morro do Macaco

quarta-feira, janeiro 24, 2007

sonhos (8)


eras preta, jabuticaba e doce como uma cesária évora, no fundo da noite de Mindelo

2 Comments:

At 3:46 da manhã, Anonymous célia musilli said...

muito lindo este poema de jabuticaba doce.. Um beijo.

 
At 5:47 da tarde, Anonymous célia musilli said...

então, Seu Djalma, tá sumidão. Pudera, a cuíca deve estar roncando bonito no Morro do Macaco...rss depois me conta do samba, tá? Um beijo e bom carnaval.

 

Enviar um comentário

<< Home